ARARA-AZUL

As araras-azuis (Anodorhynchus hyacinthinus) são animais que se destacam pela beleza, tamanho e comportamento.  É a maior espécie entre os psitacídeos (papagaios, periquitos, araras, maritacas), chegando a medir um metro da ponta do bico à ponta da cauda e pesando até 1,3 kg. São animais com hábitos que chamam a atenção. Elas gostam de voar em pares ou em grupo e nos fins de tarde, se reúnem em bandos em árvores “dormitório”. Dentre suas fontes de alimentação, estão as castanhas retiradas de cocos de duas espécies de palmeira: acuri e bocaiúva. Aos sete anos a arara-azul começa sua própria família. Os casais são fiéis e dividem as tarefas de cuidar dos filhotes. O período de incubação dura aproximadamente 28 dias. Somente com três meses de vida, quando o corpo está todo coberto por penas, se aventuram em seus primeiros vôos. Em média, a fêmea tem dois filhotes, mas em geral, só um sobrevive. A espécie está na lista de espécies ameaçadas de extinção devido à caça, ao comércio clandestino e à degradação de seu habitat natural por conta do desmatamento.


Leave a Reply